Theme Layout

Boxed or Wide or Framed

Theme Translation

Display Featured Slider

Featured Slider Styles

Display Trending Posts

Display Instagram Footer

Dark or Light Style

Exercício para quem odeia academia: Pilates (meu primeiro mês)




 Eu sempre fui da turma que odeia academia e nunca se deu bem em nenhum esporte. Na educação física eu sempre fui a pessoa que anotava o placar ou segurava os celulares. 

Então veio a faculdade e toda a tensão que trabalhar e estudar poderiam me proporcionar. O sedentarismo, a falta de postura e a ansiedade desencadearam uma dor no ombro digna de tirar a concentração de qualquer um. 

Confesso que levei um tempo para ir investigar a causa, consultei então um médico ortopedista, que me encaminhou para sessões de RPG, infelizmente, as sessões em nada resolviam o problema. Foi lá pela sexta sessão que resolvi ouvir os conselhos de outras pessoas que me indicaram o Pilates. 

Segundo a instrutora de pilates e bailarina Adriana Coldebella o Pilates pode ser definido:

“Pilates é uma técnica de construção de movimento, um estudo corporal somático que se utiliza de aparelhos únicos e específicos criados por Joseph Pilates e que através de seis princípios chave, busca conectar o corpo e a mente para uma realização plena. Respiração, Fluidez, Concentração, Controle, Centro de Força e Precisão são os seis princípios da Contrologia, que quando atingidos, chega-se a uma execução perfeita e isso significa que a busca corpo/mente foi culminada.” 

Minha procura pelo Pilates foi com objetivo de reabilitação física e principalmente de fortalecimento muscular. A tensão e a falta de musculatura me faziam sentir dores musculares constantes e minha falta de preparação física estava atrapalhando cada vez mais o meu dia-a-dia.



O que eu não esperava era que eu pudesse também ganhar no fator ansiedade, durante todo o tempo eu sempre estou pensando em um milhão de coisas e possibilidades, quando estou dentro da sala de Pilates, só consigo me concentrar no exercício que meu corpo precisa exercer e no controle da minha respiração.

A postura também é um ponto a ser adicionado, com exercícios focados em consciência corporal, você passa a repensar fora da aula como seu corpo se comporta e a corrigir movimentos ruins para a coluna.

Tenho feito aulas de 1 hora, duas vezes por semana, até agora tenho sentido efeitos bem positivos. Alguém mais já fez uma aula experimental ou pratica Pilates? Conta pra mim o que achou!


(Fonte: http://blogpilates.com.br/)

You Might Also Like

Um comentário:

  1. Eu sou da turma que odeia academia. Eu tive muitos problemas com postura também na época da faculdade, mas depois dos trinta os problemas aumentaram e eu preciso encontrar alguma atividade física urgente. Pilates deve ser legal vou colocar na lista de possibilidades, rsrs
    bjuxx
    Casa Cherry

    ResponderExcluir

[name=Celso Bove] [img=https://2.bp.blogspot.com/-0T8qh-y062w/Wk0PzbUSkPI/AAAAAAAAB4o/CG5A_Xt2h1YRP-YvTtsXkSMbqvgMOF6AQCEwYBhgL/s1600/IMG_3849.JPG] [description=Formed in Fashion, she has worked with fashion and content marketing since 2013. Six years ago, her passion for retro, cinema and decor has awakened her desire to create a blog that talks about everything that makes her eyes shine. Thus was born "Na Garupa da Vespa", affectionately dubbed "Garupa". Enjoy! :)] (facebook=Facebook Profile Url) (twitter=Twitter Profile Url) (instagram=Instagram Profile Url) (bloglovin=Blogvin Profile Url) (pinterest=Pinterest Profile Url) (tumblr=Tumblr Profile Url)