#OSCAR2017: Conheça os indicados ao Oscar de Melhor Figurino 2017



Vocês já devem imaginar o quanto essa época do Oscar é corrida por aqui, além dos filmes de melhor figurino, a gente sempre acompanha os indicados a “Melhor Filme” e o que mais der tempo.

E esse ano a coisa foi bem diversificada quando o assunto é “melhor filme”, já em figurino todas as fichas foram para os figurinos de época. Os anos 1940 e 1950 aparecem em peso, rendendo belas inspirações de looks para as apaixonadas pelas décadas.

Conheça os indicados ao Oscar de melhor figurino de 2017!




Com figurino de Consolata Boyle (indicada anteriormente por “A Rainha”), Florence se passa na década de 1940 e apresenta looks de palco e do dia-a-dia. Com arranjos de cabeça muito bem trabalhados, tecidos acetinados e estampados e joias poderosíssimas, Boyle constrói o visual da alta sociedade americana nos anos 1940 em paralelo com os palcos das grandes apresentações de ópera e teatro. A inspiração? Os looks registrados em fotos da Florence da vida real.



O filme é um deleite para os olhos também nas decorações suntuosas da casa de Florence. Vale o ingresso!




Joanna Johnston é a responsável por dar vida ao visual misterioso e sexy da personagem de Marion Cotillard. Com inspiração na Old Hollywood da década de 1940, o figurino se divide em “dia” e “noite”. No figurino diurno da personagem, peças sóbrias, marcando a cintura, delicadas e românticas. Para o figurino noturno, vestidos de shantung e cetim de seda. O decote em V é figurinha carimba nos looks que contam com jóias e acessórios vintage garimpados pela figurinista.


Ah! Os robes que ela usa pra dormir são tão lindos, que dá vontade de entrar na tela e pedir emprestado.




Colleen Atwood já é conhecida no Oscar, foi indicada 11 vezes a estatueta e é responsável por figurinos como “Alice no país das maravilhas” e “Chicago”. Para o tão esperado filme do universo de Harry Potter, a figurinista buscou mesclar a fantasia com o visual da década de 1920. Colleen conseguiu traduzir a personalidade de cada personagem para o figurino, destacando traços como inocência e perigo.


Mesmo com um bom trabalho na trama, a queridinha do Oscar não conseguiu acompanhar o sucesso dos trabalhos anteriores e não se destaca entre os favoritos para essa premiação.



O único da lista que não se passa em outra década, La La Land teve seu figurino assinado por Mary Zophres. Assim como o filme que é carregado de referências do cinema do passado, o figurino precisou se inspirar em grandes ícones da era de ouro. As décadas de 1940, 1950 e 1960, foram as principais fontes de pesquisa da figurinista.


O vestido de Emma lembra o de Sinfonia em Paris, um dos filmes que o diretor se inspirou para a trama


Nomes como Ingrid Bergman e filmes como A Roda da Fortuna, Swing Time, Os Guarda-Chuvas do Amor e Duas Garotas Românticas também foram referências para Mary Zophres. Toda pesquisa resultou em peças fluídas, que acompanharam as danças de Emma Stone e Ryan Gosling em cena.




Madeline Fontaine é conhecida por seu trabalho em “O Fabuloso destino de Amélie Poulain”, mas “Jackie” é sua primeira indicação ao Oscar na categoria. A figurinista ficou responsável por remontar o visual de um dos maiores ícones de estilo da história da moda americana. Os tailleurs Chanel, principalmente o rosa usado no dia da morte do presidente, foram recriados à risca para a personagem de Natalie Portman.





O filme também traz looks casuais da primeira-dama que é exemplo de elegância e estilo para mulheres até hoje. É o favorito à estatueta, depois de ganhar como melhor figurino no Bafta, Critics’ Choice Movie Award e no Satellite Awards.



E então, qual o seu favorito?

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.