As mulheres em Star Wars



Quem vivia dizendo que Star Wars era coisa de menino deve estar bem "de cara" com esse novo filme. Já as garotas que eram loucas por Leia Organa, mas queriam mesmo era uma Jedi porreta para se inspirar podem dar pulinhos de alegria! Star Wars: The Force Awakens chegou quebrando tudo e trouxe como protagonista uma mulher porreta sem jeitinho nenhum de donzela indefesa. 

Eu não queria terminar 2015, ano das mulheres botarem pra quebrar no cinema e na internet, sem esse texto. Vamos falar sobre as mulheres em Star Wars? Mas vamos falar sobre como elas são fortes? Então bora lá!

Padmé Amidala





Ainda muito jovem, aos 14 anos, Padmé se torna rainha de Naboo e tem de tomar decisões importantes e lidar com diversos atentados contra sua vida e seu povo. Dez anos depois, Padmé é senadora  e demonstra toda sua força no cenário político. Ela é decidida, aventureira e corajosa, definitivamente uma mulher forte, pena ter tido um fim tão trágico.

(A partir daqui contém pequenos spoilers)

Leia Organa



Esqueça Leia com biquíni de escrava, aquela cena não define a personagem incrível protagonizada por Carrie Fisher. Leia Organa tem personalidade forte e é extremamente corajosa, foi a Senadora mais jovem da história (com 18 anos), enfrentou Darth Vader, viu seu planeta ser destruído e manteve-se firme, além de ter sido uma personagem importantíssima para a Aliança Rebelde. A própria Carrie Fisher sobre Leia:

“Havia algo humano nela. Ela mostrou que poderia fazer o que precisava fazer, e se ela podia fazer então todo mundo podia fazer também. As pessoas se identificavam com ela. Ela é como uma super-heroína.

Em Star Wars VII ela é general e comanda o exército Rebelde, não veremos tanto de Leia quanto gostaríamos, nem acompanharemos nenhuma batalha da nossa princesa (ou ex princesa rs) favorita.

Diferente de sua mãe, Leia não sucumbe ao sofrimento quando seu filho se entrega ao lado negro da força, ela enfrenta momentos dificílimos de maneira corajosa e forte, talvez até mais do que a própria galera do outro lado da telinha (eu me incluo nessa rs).

Capitã Phasma



Quando os burburinhos de que Star Wars VII traria para as telonas a primeira Stormtrooper mulher ninguém imaginava que ela seria também a primeira oficial mulher da Primeira Ordem e primeira vilã feminina em Star Wars. Phasma usa uma armadura cromada simbolizando toda sua autoridade sob os Stormtroopers da Primeira Ordem, nada de biquínis e correntes, ok?

Apesar de toda imponência, muito pouco foi visto sobre ela no filme, mas a atual presidente da LucasFilm, Kathleen Kennedy já tranquilizou a gente e confirmou em entrevista ao LATimes que a Capitã participará do próximo filme. Segundo o jornal, Kennedy tem grandes planos para Phasma: “Ela é uma personagem importante e uma vilã no melhor sentido da palavra". Agora é esperar para ver, mas que o ponta pé foi dado... Ah, isso foi!

Rey



Deixei a Rey por último porque foi ela quem inspirou esse post. Pra começar ela é a personagem principal de Star Wars: The Force Awakens, se os episódios IV, V e VI focaram em Luke e I, II e III em Anakin a história se repete com Rey, é nela que a força desperta e tudo indica que ela é o equilíbrio para a força, que tem Kylo Ren do lado negro.

Rey é uma catadora de lixo de Jakku, corajosa e decidida ela se junta à Resistência depois de encontrar BB8. A bonita não só sabe lutar muito bem, como pilota naves para Han Solo nenhum botar defeito! É incrível ver como o filme demonstra toda força e independência de Rey, todas as vezes em que Finn tentava salvá-la e ela já estava lá botando pra quebrar (rs).

Falando em força, no filme fica claro que muita coisa vem por aí, já que Rey demonstrou ter A Força, tanto que conseguiu dominá-la mesmo sem treinamento nenhum. Seu encontro com Luke no fim do filme só nos deixa com aquele gostinho de estarmos prestes a ver a primeira Jedi mulher protagonista de Star Wars.


Já estamos todos ansiosos pelo próximo filme! E eu já estou prevendo toda uma geração de garotas querendo pilotar naves e chutar bundas! 

2 comentários:

  1. Yeeey, decidi dar as caras outra vez :D
    SW realmente surpreendeu a galera, na realidade todas as produções atuais vem se adaptando fortalecendo ideais que até não muito tempo era questionados de maneira muito ínfima, mas felizmente isso já era, e agr tudo acontece, tudo é escancarado mesmo e os puritanos conservadores tem que engolir na marra.

    Em si, não curtir tanto o enredo do filme, ficou bem previsível e me soou como um mistura dos antigos com personagens novos, sei lá, mas não deixo a desejar, principalmente quanto a tudo o que tu dispôs aí, a construção das personagens... Isso ficou incrível :D

    Yeeah ^^
    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que a ideia era essa mesmo, ser um tributo a saga, por isso o roteiro repetitivo. Eu tbm gostei bastante do filme e fiquei bem feliz com a personagem Rey.

      Obrigada pela visita e pela opinião :)

      Beijo e feliz ano novo!!

      Excluir

Tecnologia do Blogger.