Quinta feira acobreada: Camila Schneider e o ruivo carrot









Existem muitos tons de ruivo, uns com mais vermelho, outros com mais cobre, alguns com um pouco de dourado, por isso quando estamos na luta pela cor ideal fica muito difícil conseguirmos logo na primeira aplicação. Eu já falei sobre a minha saga ruiva (e ela continua, firme,forte e incansável), mas senti que precisava de um cantinho especial para falar disso, sabe? Por isso agora o Na garupa tem a quinta feira acobreada, que com a ajuda das meninas do grupo Amor acobreado sem censura, lá do facebook, vai trazer como as meninas conseguiram chegar no tom dos sonhos, como cuidam do cabelo (já que não é nada fácil tingir, descolorir e manter os fios hidratados e saudáveis) e produtinhos importantes na saga, que toda pessoa que quer ter os fios beijados pelo fogo precisam conhecer.
A primeira a contar sobre seu ruivo é a Camila Schneider, ela tem um ruivo carrot MARAVILHOSO que combinou MUITO com ela. Quer saber exatamente como ela chegou nessa cor? Então olha só o que ela contou pra gente!

Meu cabelo natural era castanho claro, como na foto abaixo:


A primeira vez que pintei o cabelo usei a Alfaparf 8.43, com oxigenada de 30 volumes. Ficou um castanho acobreado, bem diferente do que eu queria. O resultado foi o da foto abaixo:


Decidi, então, tomar uma medida drástica: fui no cabelereiro e ele passou um produto no meu cabelo (que infelizmente não sei dizer qual foi, só sei que não foi dekapcolor) que tirou toda a tinta dele, deixando apenas o resultado da oxigenada. Ou seja, depois de passar aquele produto meu cabelo ficou LOIRO. O cabelereiro passou por cima, então, uma mistura de 9.43 Keune com 7.44, Keune também, com oxi de 20 volumes. O resultado foi o abaixo, que eu AMEI! Essas duas fotos foram tiradas no mesmo dia, a primeira dentro de casa, câmera do celular, a segunda fora de casa, câmera profissional.


O que fiz depois disso foi apenas retocar a raiz a cada quinze dias com oxigenada de 30 e tonalizar o resto. Faço isso da seguinte maneira: passo a 7.44 da Keune, com apenas uma cobrinha de 9.43, na raiz, usando oxigenada de 30. Deixo por 30 minutos. Em seguida faço outra mistura igual, 7.44 com uma cobrinha de 9.43, coloco oxigenada de 20 e um creme branco. Passo isso no resto do cabelo inteiro, e depois passo um pente fino em tudo. Prendo e deixo mais 20, 30 minutos. Hoje meu cabelo está assim:


P.S.: Não desistam de tentar atingir o tom que querem, mas cuidado com a cegueira ruiva! Essas duas fotos abaixo foram tiradas NO MESMO MINUTO, NA MESMA CÂMERA, NO MESMO LUGAR, mas como eu estava na frente da janela passou uma nuvem e mudou a iluminação, deixando meu cabelo completamente diferente. Na primeira foto está um amarelo ovo horrível e na segunda um acobreado lindo. Então cuidado, o ruivo muda mesmo conforme a luz, a câmera etc. Não se iluda com fotos de modelos!!! Um beijo para todas vocês





Fantástico, não é? Obrigada Camila que nos cedeu sua saga e suas fotos! Nós adoramos e vocês?

4 comentários:

  1. Não ficou amarelo ovo que nem você diz, ficou lindo sim. O ruivo é bonito porque tem seus mil reflexos. *.* Amo demais a Keune porque é uma marca que nunca erra. Vou passar a comprar ela pra dar mais luz nos meus cabelos. ❤️❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel, eu também acho q cor lienda, esse texto foi um relato da própria Camila :)

      Depois quero ver seu resultado!

      Excluir

Tecnologia do Blogger.