Theme Layout

Boxed or Wide or Framed

Theme Translation

Display Featured Slider

Featured Slider Styles

Display Trending Posts

Display Instagram Footer

Dark or Light Style

Filmes em que a Vespa é protagonista


Filmes em que a Vespa é protagonista
Agente da UNCLE A Vespa e o cinema flertam há décadas. Foi através de Roman Holiday que a Vespa viu suas vendas pipocarem enquanto um dos maiores símbolos de elegância do cinema levava o lifestyle da scooter italiana para o mundo. Desde então, a Vespa roubou a cena de diversos filmes e se tornou um personagem cheio de estilo do cinema não só italiano como mundial. Confira algumas imagens e um vídeo que traz os melhores momentos da Vespa no cinema: Roman Holiday Alfie - O Sedutor La Dolce Vita Duplicidade (2009) Mais filmes incríveis com Vespa:
Mais informações »
by
0 Comments
10 fatos sobre a Vespa que talvez você não saiba

10 fatos sobre a Vespa que talvez você não saiba

Quanto mais a gente pesquisa sobre Vespas, mais a gente se surpreende. Por isso hoje resolvemos trazer 10 fatos sobre a Vespa que talvez você não saiba. Vamos lá? 1 - A roda reserva conhecida nos modelos mais antigos de Vespas, era porque as estradas do pós guerra eram deploráveis e os pneus furavam o tempo todo; 2 -A versão mais aceita para a origem do nome “Vespa” é justamente porque ela parece o inseto, seja pelo formato ou pelo barulho do motor de dois tempos. Enrico Piaggio, quando viu o projeto de D’Ascanio pela primeira vez, teria dito “Sembra una Vespa!” (Parece uma vespa!); 3 - A Vespa 400 na verdade era um carro, lançado em 1957 e produzido apenas 30.000 unidades; 4 - A Vespa possui um museu em Pontedera, uma cidade próxima à Pisa em sua homenagem, por lá é possível encontrar Vespas icônicas, documentos, sketchs e muitos mais; 5 - Salvador Dalí já assinou um modelo de Vespa com seu nome e o de sua musa inspiradora: Gala 6 - Existem diversos cl

Resenha do livro: Tipos incomuns

Resenha do livro: Tipos incomuns

Hoje em dia é bem comum andar por uma livraria e ver o rosto do ator Tom Hanks nas prateleiras. Capa de todos os sucessos do autor americano Dan Brown, Hanks, para variar um pouco, virou estrela de uma franquia consagrada da literatura e do cinema. Agora, quando o seu rosto está em outro ponto do livro e, logo abaixo do seu nome a posição de autor é colocada, aí as coisas ficam um pouco diferente. O ator americano resolveu se arriscar na carreira de escritor. Começou como colunista no importante jornal The New York Times e, agora, lança seu primeiro livro de título “Tipos incomuns”. Logo de cara, olhando para a capa, já há algo que chama atenção. Hanks apelou para as tradicionais máquinas de escrever; tanto para compor sua capa, como para brincar com esse icônico objeto em seus textos. “Tipos incomuns” trará pequenos contos de pessoas que podem ser qualificados como incomuns. A sacada da palavra tipo veio bem a calhar, afinal, para quem não é do mundo do design, “tipo” também

Instagram para amar: @instamooca

Instagram para amar: @instamooca

Reprodução: @instamooca O Instagram é minha rede social favorita e por lá encontro inúmeros fotógrafos e profissionais criativos incríveis que morro de vontade de compartilhar com vocês. O @instamooca da Jacqueline Brizida é um deles.  A fotógrafa traz um olhar delicado para um dos bairros mais tradicionais de São Paulo (e meu bairro favorito rs). Como me mudei para cá, é incrível ver os lugares que passo no dia-a-dia pelo ângulo dela. As imagens ainda tem aquele toque vintage que a gente ama <3  A Jacqueline já apareceu no The Guardian, Folha de S. Paulo e Estadão. Confira algumas das fotos dela: Reprodução: @instamooca Reprodução: @instamooca Reprodução: @instamooca Reprodução: @instamooca

Resenha do filme: Eu, Tonya

Resenha do filme: Eu, Tonya

Sinopse: Desde muito pequena exibindo talento para patinação artística no gelo, Tonya Harding (Margot Robbie) cresce se destacando no esporte e aguentando maus-tratos e humilhações por parte da agressiva mãe (Allison Janney). Entre altos e baixos na carreira e idas e vindas num relacionamento abusivo com Jeff Gillooly (Sebastian Stan), a atleta acaba envolvida num plano bizarro durante a preparação para os Jogos Olímpicos de Inverno de 1994. Baseado em fatos reais. Opinião: Com um estilo de montagem que une uma história dramática e um documentário, “I, Tonya” tem um ritmo bem acelerado e alinear, revelando o quão perturbadora e profunda é a história dessa patinadora olímpica. Palmas para Margot Robbie e sua capacidade de se desmontar dos papéis sexy e entrar em alto nível em um trabalho dramático que leva como tema principal o assédio. Vale comentar o sarcástico utilizado como alívio cômico e principal recurso para preencher a personalidade das duas personagens indicada

 Selfies – 100 anos de beleza feminina

Selfies – 100 anos de beleza feminina

Nada me deixa mais animada do que ver o quanto o século XIX teve suas décadas bem definidas. Quando olhamos uma foto de 1920, o comportamento, a moda, os cabelos, tem sua personalidade própria. Isso facilita, por exemplo, quando assistimos um filme de época ou vemos fotos de outras gerações das nossas famílias. Mais divertido ainda é notar coisas que fazemos com tanta naturalidade hoje, antes serem extremamente raras ou especiais. Quantas selfies você já tirou essa semana? O quão fácil foi tirar seu celular do bolso para fazê-la? Pois antigamente, com o valor elevado das câmeras e da revelação dos filmes, fazer uma foto era tarefa só para profissionais. Hoje reunimos 100 anos de selfies tiradas em cabines fotográficas! Esse post foi inspirado nesse post do Glamour Daze

As campanhas mais bonitas da Vespa

As campanhas mais bonitas da Vespa

A primeira impressão que temos de uma marca que não conhecemos, muitas vezes são suas campanhas publicitárias. Há décadas, profissionais do mundo inteiro se esforçam para traduzir a essência de marcas com apenas uma foto ou vídeo.  A Vespa se eternizou por ser um símbolo de estilo e qualidade, por isso suas campanhas sempre tiveram um cuidado estético além. E como eu amo moda e Vespas, resolvi reunir aqui algumas das campanhas que mais chamaram a minha atenção. Vamos lá? Aqui o match perfeito entre moda e Vespa Uma brincadeira entre o termo nerd e hipster Qual sua favorita?

Resenha de filme:Projeto Flórida

Resenha de filme:Projeto Flórida

Nos arredores dos parques da Disney existem pequenas populações que ilustram bem a periferia em sua essência. Pessoas a margem da riqueza que, apesar de próximas, não aproveitam da nobreza estabelecida no centro. Um clássico da maioria das cidades. Esse é o enredo de Projeto Flórida. Aonde veremos um roteiro guiado por uma jovem mulher e sua filha. A crítica em si é fundamental. É bem importante observarmos o que o filme quer mostrar. A história tem uma veia crítica evidente e coloca de diversas formas as posições que pobres e ricos postulam na nossa sociedade. Agora, mesmo com a boa atuação de Dafoe, nem ele nem o filme salvam o espetáculo em si. A ideia aqui era gerar um filme crítico, mas somente a crítica apareceu. O filme é um festival de más atuações, com lampejos de Willem Dafoe e da jovem protagonista Brooklynn Prince. Mas, não encanta. A obra flui sem ritmo e acaba sendo neutra e sem graça. Uma pena, já que, com um pouco mais de esmero, daria um bom projeto.

Inspirações de decoração de aniversário retrô

Inspirações de decoração de aniversário retrô

Meu aniversário é daqui um mês exato e quem me conhece sabe o quanto eu adoro a data, principalmente porque acabo comemorando durante dois finais de semana, com grupos de amigos e família diferentes. Adoro!  Todo ano eu passo um mês pesquisando inspirações de decorações simples e divertidas para passar a data. Adoooooro todas as comidas que envolvem aniversários: bolo, coxinha, brigadeiro, aiai, só de pensar... Como vocês podem observar, bem taurina da minha parte. Inspirada pelo clima de aniversário, pesquisei algumas referências para quem quer investir na decor retrô no aniversário de um jeito simples e com muitas referências de "faça você mesmo". Flamingos  O animal queridinho das pin ups rende muitas referências do estilo tiki e é a cara dos aniversários com clima mais quente (o que não é meu caso). Lanchonete Retrô Para quem curte uma estética mais 50`s, a dica é investir na inspiração das lanchonetes retrô e em um cardápio que

Resenha do livro: A sutil arte de ligar o f*da-se

Resenha do livro: A sutil arte de ligar o f*da-se

“A ideia não é fugir das merdas. É descobrir com qual tipo de merda você prefere lidar.” Essa é uma das frases que melhor define o conteúdo que você encontrará nesse livro de nome polêmico. Com características de auto ajuda, o autor americano Mark Manson diz, sem nenhum pudor, boas verdades da vida. O início do livro é praticamente dedicado a contar a histórias de Mark e as difíceis lições que ele aprendeu ao longo da vida. A maneira peculiar como Mark enxerga os problemas chama bastante atenção, transmitindo pensamentos verdadeiros e bem positivos para nossas vidas - claro, sempre com uma dose ácida e sem se importar e dar boas cutucadas. Conforme as páginas vão sendo lidas o livro assenta um pouco. O tom ácido do nome e do início se diluem, dando espaços para mais exemplos, reflexões e doses de aprendizado. Essa mescla gera um conteúdo bem atrativo e instigante, tornando esse livro algo bem fácil de se ler. “As maiores verdades da vida são as mais desagradáveis de se ouvir.” Mes

Marcas de beleza e cuidados para quem ama retrô

Marcas de beleza e cuidados para quem ama retrô

Quem é apaixonado pelo lifestyle retrô e das pin ups está sempre de olho no que surge no mercado com embalagens ou propostas do tema. Felizmente, aqui no Brasil é possível encontrar marcas que dedicam boa parte do seu marketing e dos seus produtos para esse nicho. Seja de maquiagem ou cuidados com a pele, gringa ou 100% brasileira, as pin ups de plantão já podem reservar o cofrinho para deixar a penteadeira ainda mais bonita com essas 4 marcas inspiradas no retrô. The Balm Eu sou completamente apaixonada pela The Balm, fã de carteirinha mesmo. Tenho a paleta de sombras deles, um batom maravilhoso e uma base que adoro. Todas as embalagens são fofas, com pin ups e nomes divertidos. Além disso, os produtos são muito bons e valem cada centavo (que não é barato). Benefit A Benefit é a queridinha, o sonho de quem ama embalagens fofas e bons produtos. Confesso que ainda não tive coragem de desembolsar alguns bons reais pela make, mas quem sabe um dia, não é m

Resenha do filme: Roda gigante

Resenha do filme: Roda gigante

Sinopse: A atriz Ginny (Kate Winslet), casada com Humpty  (James Belushi), acaba se apaixonando pelo salva-vidas Mickey (Justin Timberlake). Mas quando sua enteada, Carolina (Juno Temple), também cai de amores pelo rei da praia, as duas começam uma forte concorrência. Diferente do personagem que a consagrou em Titanic, Kate Winslet faz uma mulher mais velha, angustiada e com marcas da vida. Um papel que extrai da atriz todo o potencial que já havia mostrado em filmes como “O leitor”. Para ajudar, a composição da personagem ainda reserva uma ex-profissão de atriz, trazendo para o roteiro ainda mais elementos atrativos. O restante do elenco vai flutuando ao redor dessa história complexa, criando uma atmosfera pesada e cheia de culpa. Para suavizar o ambiente a fotografia é linda. Retratando a década de 1950 com uma paleta azulada e avermelhada, variando conforme a necessidade da trama. De plano de fundo o roteiro escolheu a cidade de Coney Island, uma mistura de ci

Como economizar para realizar seus sonhos

Como economizar para realizar seus sonhos

Eu sempre fui gastona: roupas e lanches sempre me desviaram do caminho da economia com uma facilidade ímpar. Na virada do ano decidimos começar a economizar para fazer uma viagem. Foi aí que a coisa ficou séria e eu percebi que se não fechasse a carteira, meus sonhos nunca se realizariam. Uma série de mudanças de comportamento ajudaram a mudar a maneira como controlo meu dinheiro. Por isso, resolvi compartilhar hoje alguns conselhos que recebi e algumas regras que segui para juntar dinheiro sem sofrimento e com responsabilidade. Primeiro que você precisa saber é quanto custa o seu sonho e quanto tempo você precisa levar para conquista-lo. Por exemplo: Uma viagem de 15 dias para outro país - Prazo: 2 anos Aqui vai depender muito de para onde você vai, qual é a moeda utilizada por lá e qual o nível de conforto que você espera ter. Vamos supor que você vá fazer um mochilão para Europa e não liga muito para hotéis e comidas caras. Você vai gastar, em média, de 7 a

[name=Letícia Loureiro] [img=https://2.bp.blogspot.com/-0T8qh-y062w/Wk0PzbUSkPI/AAAAAAAAB4o/CG5A_Xt2h1YRP-YvTtsXkSMbqvgMOF6AQCEwYBhgL/s200/IMG_3849.JPG] [description=Vespa Lover, se apaixonou pela scooter e pelo universo vintage no instante em que assistiu "Roman Holiday". Desde então, escreve sobre tudo que faz seus olhos brilharem. Desde 2012 convida a todos para uma viagem no tempo "Na Garupa da Vespa" :) ] (facebook=https://www.facebook.com/nagarupadavespa) (instagram=https://www.instagram.com/nagarupadavespa) (pinterest=https://www.pinterest.com/nagarupadavespa)